Morango silvestre

Amora-vermelha, Framboesa ou Morango silvestre é o pseudofruto de Rubus rosifolius Sm., uma planta nativa do Brasil, do grupo das amoras. Pequeno arbusto de, no máximo, 1,50 m de altura. Forma amplas touceiras.

É facilmente reconhecível pelos espinhos no caule e nas folhas e pela folhagem bastante recortada. As flores são brancas. Os “frutos” são bolinhas vermelhas e ocas, bastante frágeis. É comum nas regiões altas e frias, principalmente no Sudeste e Sul. Prefere solos úmidos e regiões sombreadas nas matas.

Escamados

Os escamados (do latim científico Squamata) constituem uma das quatro ordens vivas da classe dos répteis.

São representados pelos lagartos (incluindo a família Mosasauridae de répteis pré-históricos extintos no Mesozóico), pelas serpentes (cobras) e pelo grupo Amphisbaenia (anfisbênias).

Cerca de 4000 espécies, possuem tamanhos variados de 3 cm a 3m (dragão-de-Komodo). Vivem nos mais variados tipos de ambientes, como desertos, florestas, campos, rios, regiões litorâneas, mares, manguezais, montanhas e áreas urbanizadas; Hábitos alimentares: herbívoros, carnívoros, onívoros ou insetívoros.

O gênero de répteis Tupinambis, da família Teiidae, chamados vulgarmente teju ou teiú, compreende os maiores lagartos das Américas.

Podem atingir até 1,5 metros de comprimento e abrange sete espécies, todas nativas da América do Sul. Estes estão sempre por aqui, com exceção do inverno, quando estão hibernando.

A hibernação é um estado letárgico pelo qual muitos animais, em grande maioria de pequeno porte, passam durante o inverno, principalmente em regiões temperadas e árticas. Os animais mergulham num estado de sonolência e inatividade, em que as funções vitais do organismo são reduzidas ao absolutamente necessário à sobrevivência.

Lagarto